Dia Internacional da Água

Com o objetivo de conscientizar as pessoas sobre a importância da água para a vida em nosso planeta, a ONU (Organização das Nações Unidas) estabeleceu 22 de março como o Dia Internacional da Água. Fique ligado nessa reportagem, pois esse é um assunto vital!


De tanto escutar minha professora falar sobre a importância da água para a vida na Terra, fiquei curioso e resolvi pesquisar um pouco mais. Eu fiquei desesperado com as coisas que descobri e comecei a escrever esse Extra para iniciar uma campanha de preservação da nossa água. Quer participar? Então, vamos lá!

Na minha pesquisa, descobri que se não aprendermos a conservar as reservas de água que ainda temos, logo, logo, vai faltar água em várias partes do mundo. Caso isso aconteça, as pessoas vão começar a brigar por causa da pouca água que restar. Já imaginou isso? Guerras horríveis e violentas por causa de água? Isso não é impossível de acontecer, pois a água logo vai valer mais do que o ouro ou o petróleo.

 

Todos nós sabemos que o planeta Terra é formado de, aproximadamente, 70% de água, não é mesmo? Mas o que nem todo mundo sabe é que a maior parte dessa água, 97,50%, é salgada e imprópria para o consumo. Da água doce, 2,493% estão em lençóis subterrâneos ou congelados nos polos, e apenas 0,007% está em rios e lagos, disponível para nosso consumo. Quer entender melhor essa proporção? Veja o gráfico que encontrei:

E não é só isso não. Desse 0,007% de água doce disponível para nosso consumo, 70% vão para a agricultura; 22%, para a indústria e 8%, para o consumo individual.

Agora que todos já sabem a verdade, acho que já posso contar meu plano! Eu e minha turma analisamos muito bem essa situação e chegamos a uma conclusão: PRECISAMOS ECONOMIZAR ÁGUA URGENTEMENTE! Se cada pessoa do mundo fizer a sua parte, a água não vai acabar, e a vida em nosso planeta será preservada. Quer fazer a sua parte? Então, comece a falar sobre esse problema para todas as pessoas que você conhece, siga as dicas de como economizar água que nós preparamos e mãos à obra!

 

Dicas para economizar água

 


Tomando banho
Você sabia que um dos recordistas de consumo de água no Brasil é o chuveiro? Um banho de 15 minutos gasta, em média, 130 litros de água. Se a pessoa for como eu, que toma banho todos os dias, vai consumir, em um mês, 3.900 litros!
Para economizar, basta reduzir o tempo do banho: cinco minutos são suficientes para lavar todo o corpo. Desligar o chuveiro enquanto se ensaboa ou lava o cabelo também é uma boa maneira de economizar. Viu como dá pra ficar cheiroso sem esbanjar? Agora, só não vale dizer que não vai mais tomar banho para economizar água, pois essa desculpa não cola mais!

 



Escovando os dentes
Esta dica todos conhecem, mas poucos praticam: quando estiver escovando seus dentes, deixe a torneira fechada! Gastamos, aproximadamente, 10 litros de água quando escovamos os dentes por cinco minutos com a torneira aberta. Para economizar, abra a torneira apenas para molhar a escova e enxaguar a boca.



Lavando a roupa
Na hora de lavar a roupa, o segredo para economizar água é deixar acumular peças e lavar tudo de uma só vez. Só ligue a máquina quando ela estiver cheinha. As roupas muito sujas devem ser deixadas de molho antes de serem lavadas, pois, com isso, a sujeira sai mais fácil e com menos água. Ao lavar no tanque, deixe sempre a torneira fechada enquanto ensaboa e esfrega as roupas.


Lavando a louça
Antes de começar a lavar a louça, devemos raspar os restos de comida e deixar de molho as panelas ou as louças muito sujas. Ensaboe tudo o que for lavar com a torneira fechada e abra a torneira apenas na hora de enxaguar. Ah! E lembre: nada de ficar pegando um copo limpo a cada vez que você for tomar água, pois, para cada copo que você suja, são necessários pelo menos dois outros copos de água para lavá-lo.


Lavando o carro e a calçada
Já ensinei pro meu pai como é fácil deixar o carro limpinho sem precisar gastar muita água. É só usar um balde de água de 10 litros para molhar o carro e mais uns três ou quatro para enxaguá-lo. Utilizar a mangueira para essa atividade gera um grande desperdício. O mesmo serve para as calçadas. Devemos usar a vassoura para retirar a sujeira e não o jato de água da mangueira!


Utilizando o vaso sanitário
Agora você vai dizer: "O Maluquinho tá mesmo maluco! Todos sabem como se usa a privada". E eu digo que muita gente não sabe usar o vaso sanitário (vou dizer vaso sanitário que é mais chique, tá?) de forma adequada, sabe por quê? Porque muitas pessoas acham que o vaso sanitário é cesto de lixo e jogam papel, cotonetes, algodão, cigarros e mais um monte de porcarias dentro dele. Isso pode entupir o encanamento e fazer com que o lixo volte para a sua casa! Ui... que nojo! Outra dica: deixe a válvula da descarga sempre regulada e não fique apertando-a sem necessidade, pois isso gasta muita água!



Cuidando das plantas
Para cuidar do jardim, substitua a mangueira por um regador. Dessa maneira, você só joga água onde é necessário, não afoga as coitadas das plantinhas e fica mais perto delas. Isso mesmo, fica mais perto e dá mais carinho para as plantas, ou você acha que elas só precisam de sol e água?



Verificando os vazamentos
Vazamento é um problema! Uma torneira pingando, um cano furado ou uma válvula de descarga desregulada pode desperdiçar milhares de litros de água em um único dia. Certifique-se de que todas as torneiras de sua casa estão bem fechadas e funcionando direitinho e de que a válvula da descarga não está desregulada e soltando mais água que o necessário. Para verificar se existe algum vazamento, faça o seguinte teste: feche todas as torneiras e registros da casa e veja se os números do hidrômetro (aquele aparelho parecido com um relógio que mede o consumo de água) estão movendo-se. Se isso ocorrer, é sinal de que algum cano pode estar furado. Avise seus pais para que o problema possa ser resolvido com urgência!

 

Viu como é fácil economizar? O planeta Terra precisa de nossa ajuda.
Não seja maluco de desperdiçar água!

 

   
Copyright ©2002-2014 Ziraldo e Portal Educacional.
Todos os direitos reservados - Informações sobre licenciamento.